Noticias Novo Portal Noticias Novo Portal

Retornar para página inteira

Notícia

Institucional
MPRJ assina convênio de compartilhamento de dados com Secretaria de Estado de Transportes
Publicado em 2018-08-09 13:14:02.089 - Atualizado em 2018-08-09 13:18:43.0

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) assinou, na tarde desta quarta-feira (08/08), em solenidade no Palácio Guanabara, convênio visando ao compartilhamento de informações de interesse público e institucional dos bancos de dados da Setrans (Secretaria de Estado de Transportes do Rio) com o ‘MP em Mapas’. Alimentada por estatísticas e dados georreferenciados, essa plataforma digital permite análise e diagnóstico da situação do estado e dos municípios fluminenses nas diversas áreas de atuação do MPRJ, orientando a atuação de promotores e procuradores, e fornecendo conhecimento técnico para formulação de políticas públicas mais eficientes.

Presente na assinatura do convênio, o governador Luiz Fernando Pezão falou do compromisso de sua gestão com a promoção da transparência pública. “O que celebramos aqui hoje vem ao encontro dessa prática, que mobiliza os esforços de vários setores do governo, apesar do atual contexto de dificuldade econômica. Essa assinatura no campo do transporte, setor que sempre foi considerado uma caixa-preta, com falta de dados e informações, é conquista importante. Fico muito feliz de estabelecer mais este convênio com o MPRJ. É o quarto que fechamos, após os firmados com as secretarias de Saúde, de Educação e com o Detran-RJ. Maior transparência possível: é isso o que desejam os cidadãos”, afirmou.

O procurador-geral de Justiça, Eduardo Gussem, destacou a nova filosofia de gestão pública, na qual os governos precisam estar mergulhados em tecnologia. “Estamos inaugurando um momento especial na história do Rio, pela forma como o governador vem conduzindo a sua administração, neste momento em que estamos aprendendo a língua dos dados, a ciência dos números. Estamos descobrindo como trabalhar com esse manancial de informações, que passava por nós, mas acabávamos por desperdiçar, por não termos uma visão global. É preciso trabalhar na linha de governos abertos, pautados pela transparência, integridade, participação cidadã, tecnologia e informações”, pontuou.

Eduardo Gussem ressaltou a relevância desse novo modelo de gestão, no momento em que se busca reerguer o estado. “A inovação está ligada à experimentação e, logo, à possibilidade de erros. Eles sempre podem acontecer. O que precisamos ter é a capacidade de superá-los, para reverter essa sensação horrível por qual passa a população fluminense. Com base em dados científicos, podemos atuar de forma mais planejada e resolutiva, e também preventiva. É vital que possamos recuperar todos os ambientes degradados do nosso estado, que têm trazido tanta insegurança ao conjunto da população. A nossa plataforma, o ‘MP em Mapas’, é do Estado do Rio de Janeiro. Nossa ideia é a de compartilhar conhecimentos, pois temos que ter uma compreensão moderna e colaborativa de como administrar”, reforçou.

Na sequência, o secretário de Estado de Transportes, Rodrigo Goulart de Oliveira Vieira, apontou os benefícios do convênio firmado com o MPRJ. “Essa formalização dará provas de dois pressupostos básicos, comprovando nossa competência técnica e nossa correção. Integrar nossas informações nessa plataforma revolucionária e multidisciplinar, que é o ‘MP em Mapas’, nos permitirá mostrar nossos acertos, identificar erros e nos ajudar a traçar novas metas, dentro da nossa proposta de gestão, que é cuidar da aplicação dos recursos públicos, tratando pessoas diferentes de formas diferentes, priorizando com a concessão de benefícios aqueles que mais precisam”.

O titular da Setrans adiantou que trabalha na formatação de um novo modelo de bilhetagem eletrônica, em parceria com o MPRJ, a Defensoria Pública do Estado e o Tribunal de Contas (TCE-RJ), e envolvendo todos os modais de transporte – metrô, barcas, trens, vans e ônibus. “Buscamos uma solução transparente, moderna, benéfica para os usuários e que possa ser auditada pelo poder público e órgãos fiscalizadores. Já temos os primeiros frutos concretos, com levantamento de todas as transações de bilhetagem por todos os modais que, em cerca de 15 dias, gerou base de 50 milhões de viagens no Proderj. Assim, será possível enxergar os cenários atuais, fazer análises e traçar prospectivas para o setor de transportes do estado”, resumiu Rodrigo Goulart.

Também participaram da solenidade de assinatura do convênio o promotor de Justiça Virgílio Panagiotis Stavridis, chefe de gabinete do MPRJ; o defensor público geral do Estado, André Castro; o secretário de Estado de Administração Penitenciária, David Anthony; o secretário de Estado de Educação, Wagner Victer; o controlador-geral do Estado, Nestor Lima de Andrade; o presidente do Detran-RJ, Leonardo Suilva Jacob; o subsecretário de Estado de Defesa Civil, coronel Marcelo Hess de Azevedo; o subsecretário de Estado de Cultura, Léo Feijó; o gerente de Projetos do Proderj, Thales Rodrigues; e representantes do Bilhete Único, entre outros.

mp em mapas
convênio
políticas públicas
compartilhamento de informações
secretaria de transportes
270 VISUALIZAÇÕES*
*Fonte: Google Analytics
(Dados coletados diariamente)
Compartilhar