Noticias Novo Portal Noticias Novo Portal

Retornar para página inteira

Notícia

Institucional
Eduardo Gussem encabeça lista tríplice para PGJ
Publicado em 12/12/2016 18:05 - Atualizado em 12/12/2016 18:31

O procurador de Justiça Eduardo Gussem foi o candidato mais votado na eleição destinada à formação da lista tríplice para provimento do cargo de procurador-geral de Justiça do Rio de Janeiro, biênio 2017/2019, realizada nesta segunda-feira (12/12). Ele obteve 438 votos (41,51% do total). Os procuradores Claudio Henrique da Cruz Viana e Antônio José Campos Moreira registraram 343 e 274 votos, respectivamente. Votaram 877 promotores e procuradores de Justiça, dos 907 membros ativos habilitados a participar do sufrágio. Os membros podiam votar em até três concorrentes. Foi computado 1 voto nulo e nenhum voto em branco.

Os nomes dos candidatos serão encaminhados no dia 1º de janeiro de 2017 ao governador do Estado, que terá 15 dias para baixar o ato de nomeação do novo procurador-geral de Justiça do Rio de Janeiro. A posse será realizada em sessão solene do Órgão Especial do Colégio de Procuradores de Justiça, no dia 17 de janeiro de 2017.

As eleições foram realizadas pelo Sistema Eletrônico de Votação (SEV), que conferiu maior agilidade à apuração dos votos e conforto aos membros, que puderam votar de seus gabinetes ou de qualquer computador com acesso a internet, evitando deslocamentos desnecessários do interior do Estado para a sede. Seis computadores também foram instalados na Sala de Sessões dos Órgãos Colegiados, para atender àqueles que optaram pelo voto presencial. Foi a primeira vez que a eleição para procurador-geral de Justiça ocorreu por meio eletrônico.

O processo eleitoral foi acompanhado por integrantes do Laboratório de Engenharia de Software da PUC-Rio, que realizaram auditoria no SEV e, mais uma vez, aprovaram as eleições eletrônicas, atestando a confiabilidade e a imparcialidade do sistema, que foi integralmente desenvolvido por servidores da Secretaria de Tecnologia da Informação e da Comunicação. Em novembro deste ano, os novos integrantes do Conselho Superior do Ministério Público (CSMP) também foram escolhidos por votação eletrônica.

Eduardo Gussem

Com mais de 23 anos de atuação no Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), Eduardo Gussem acumulou experiência como promotor de Justiça no interior e na capital. Desde que ingressou na Instituição, em 1993, atuou por 14 anos em órgãos de execução e por 10 anos em estruturas e funções administrativas. Aos 52 anos de idade, Gussem é, desde 2015, subprocurador-geral de Justiça de Planejamento Institucional e se apresentou pela segunda vez como candidato ao cargo de procurador-geral de Justiça.

217 VISUALIZAÇÕES*
*Fonte: Google Analytics
(Dados coletados diariamente)
Compartilhar