Noticias Novo Portal Noticias Novo Portal

Retornar para página inteira

Notícia

Meio Ambiente
MPRJ manifesta preocupação com compartilhamento de informação falsa nas redes sociais sobre deslizamento de terra na BR-040
Publicado em 2018-01-06 22:37:50.541 - Atualizado em 2018-01-06 22:40:21.0

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, por meio do projeto Morte Zero, do Instituto de Educação e Pesquisa do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (IEP/MPRJ),  manifesta a sua preocupação com a circulação de informação falsa nas redes sociais dando conta de um deslizamento de terra que interditaria um trecho da estrada Rio-Petrópolis (BR-040). Desde a última semana, imagens do suposto deslizamento vêm sendo compartilhadas. Porém, elas mostram um acidente que não ocorreu nos últimos dias, tampouco aconteceu na rodovia que liga o Rio de Janeiro a Petrópolis, na Região Serrana do Estado.

De acordo com a coordenadora do Morte Zero, a procuradora de Justiça Denise Tarin, é muito importante que as pessoas não compartilhem informações cuja veracidade não é confirmada, principalmente sobre deslizamentos, inundações ou qualquer situação de emergência, sobretudo, neste período do ano em que a ocorrência de chuvas fortes deixa grande parte da população fluminense,  voluntários e os profissionais responsáveis em alerta.

Segundo a procuradora, dos 17 municípios fluminenses vulneráveis a deslizamentos e inundações, 11 estão com as sirenes desligadas, o que impõe muito mais vigilância por parte das Defesas Civis e um trabalho integrado e focado no compartilhamento de informações e ações. "Sabemos que a maioria das pessoas quando compartilha a notícia quer ajudar, não há maldade, contudo temos que estar sensíveis que a circulação de boatos pode prejudicar não só a rotina das pessoas, mas o trabalho das equipes de socorro". Denise Tarin afirma que o período das chuvas deve se encarado com muito trabalho, responsabilidade e solidariedade, não só por parte dos profissionais envolvidos, mas por toda a população.

chuvas
boato
notícia falsa
cheias
alerta
249 VISUALIZAÇÕES*
*Fonte: Google Analytics
(Dados coletados diariamente)
Compartilhar