Noticias Novo Portal Noticias Novo Portal

Retornar para página inteira

Notícia

Institucional
MPRJ assina contrato com a PUC-Rio para aquisição de conhecimentos e tecnologias
Publicado em 2018-09-13 08:53:58.068 - Atualizado em 2018-09-13 09:09:41.0

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) assinou, na tarde desta quarta-feira (12/09), contrato com a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio) visando trazer para as ações de modernização institucional toda a capacidade de inovação e apoio científico da reconhecida entidade acadêmica. A solenidade foi realizada na reitoria da instituição de ensino superior, localizada na Gávea, Zona Sul do Rio, e o termo da parceria foi assinado pelo procurador-geral de Justiça, Eduardo Gussem, e pelo reitor, padre Josafá Carlos de Siqueira. Também participaram da reunião representantes acadêmicos da universidade, membros e servidores do MPRJ.

A iniciativa mobiliza a ação integrada entre diversos Departamentos da PUC-Rio – tais como os de Direito, Informática e Ciências Sociais e, além da transferência de conhecimentos em Ciência de Dados, englobará a Inteligência Artificial. A parceria se dará por meio da colaboração técnica e acadêmica em projetos envolvendo ‘Ciência de Dados’, ‘Qualidade, Integração, Governança e Privacidade de Dados’, ‘Pré-tratamento e etapas de projetos’, ‘Visualização e Análise Exploratória de Dados’, ’ Big Data’, entre outros temas.

“Estamos decididos a investir em tecnologia e inovações e, neste campo, a PUC-Rio é um grande celeiro. Por isso, vemos este momento com alegria e, acima de tudo, esperança. Vivemos num estado degradado e numa cidade conflagrada, que passam por turbulências. A união do MPRJ com a PUC-Rio tem tudo para transcender várias disciplinas, se expandir para outras ciências. Essa interlocução é pioneira entre nossas instituições, e será perene. Não há mais como não aprendermos a linguagem dos dados. O sistema de Justiça, como um todo, nunca se preocupou com medições, e atuou numa linha pragmática. O profissional de Direito se dedicava aos processos e, com o passar do tempo, acabou perdendo produtividade diante deste grande volume que se apresentava”, pontuou Eduardo Gussem.

O contrato firmado apoiará projetos em desenvolvimento em diversas áreas do MPRJ, tais como o MP em Mapas, Secretaria de Tecnologia, e Laboratórios de Análises Orçamentária, Legislativa e Jurídica, acelerando sobremaneira a inovação e a modernização institucional. “Teremos a qualificação da atuação dos membros do MPRJ. É imprescindível que trabalhemos a partir da leitura mais acertada dos dados. Assim, os promotores e procuradores poderão tomar decisões com muito mais segurança e observando situações e horizontes que, até então, não eram visualizados”, pontuou o PGJ, para quem a PUC-Rio e o MPRJ têm em comum a atuação social com espírito humanitário e comunitário – fato que poderá contribuir para a proposição de políticas públicas mais eficazes, que promovam a revitalização do Rio.

“Essa parceria envolve diversos departamentos da nossa universidade, de forma que podemos compartilhar o que temos de melhor com os cidadãos. É muito bom saber que a PUC-Rio está, no sentido comunitário mais amplo, prestando serviço ao público, uma vez que ciente de que as ferramentas da tecnologia podem ajudar a melhorar a nossa sociedade”, comentou o padre Josafá Carlos de Siqueira, que fez questão de ressaltar três pontos do contrato firmado entre as duas instituições: a formação de cientistas de Dados e de Inteligência Artificial; o treinamento de agentes multiplicadores para atuação nos órgãos públicos; e o estabelecimento de uma cultura de uso de dados como instrumento de apoio aos processos de tomadas de decisões do MPRJ.

Procurador de Justiça, titular da 1ª Procuradoria de Justiça junto à 17ª Câmara Cível do TJRJ, e professor adjunto do Departamento de Direito da PUC-Rio, Adolfo Borges Filho foi um dos fomentadores do estreitamento de laços entre o MPRJ e a universidade. Natural, portanto, que fosse um dos mais entusiasmados na assinatura do contrato. “É um prazer testemunhar a irmandade que se firmou entre essas instituições, ambas muito queridas por mim, e que prestam excelentes serviços à sociedade. Vemos nascer a semente de um trabalho no qual os conhecimentos no campo da Informática poderão potencializar a atuação no MPRJ”, celebrou, lembrando que Eduardo Gussem o considera “padrinho” da parceria. “E isso me honra muito”, resumiu.

Para o promotor de justiça Pedro Borges Mourão, coordenador de Análises, Diagnósticos e Geoprocessamento do ‘MP em Mapas’, poder trabalhar em conjunto com os professores e cientistas da PUC-Rio é uma oportunidade inédita para o MPRJ. “Esta aproximação contribuirá imensamente na tarefa de planejar e implementar as novas capacidades institucionais que se fazem necessárias para o enfrentamento dos desafios que a transformação social e tecnológica nos impõe”, avaliou.

Também estiveram presentes na solenidade os promotores de Justiça Daniel Lima Ribeiro e Bernardo Maciel Vieira, secretário de Tecnologia da Informação e de Comunicações do MPRJ; além do gerente do ‘MP em Mapas’, Daniel Belchior, e servidores da instituição. Pela PUC-Rio, participaram ainda Luiz Roberto Cunha, decano do Centro de Ciências Sociais; Hugo Fuks, diretor do Departamento de Informática; Hélio Lopes, Gustavo Robichez e Simone Diniz Junqueira, professores da mesma área; Francisco de Guimaraens, diretor do Departamento de Direito; Caitlin Sampaio Mulholland e Gilberto Almeida, que atuam no mesmo Departamento, e o assessor jurídico da reitoria, Gustavo Sénéchal.

mp em mapas
convenio
tecnologia
big data
ciencia de dados
governos abertos
283 VISUALIZAÇÕES*
*Fonte: Google Analytics
(Dados coletados diariamente)